Paris é o lugar perfeito para os apreciadores de moda. Todas as grandes marcas estão por lá, inclusive redes internacionais. Ao mesmo tempo, ainda existem as pequenas lojas independentes.
E a Travel Hunter tem dicas incríveis para quem ama esse universo:
A famosa Champs – Élysées, tem muitos turistas e lojas de carros , futebol, Zara e H&M. Não é o lugar mais bacana para olhar as lojas. Mas envolta tem muitas coisas interessantes.
Para a alta costura, A Avenue Montaige, no Triangule dór, delimitado pela Champs – Élysées e pela Avenue George V como Yves Saint Laurent, Armani e Dior…
A Fauborg Saint- Honoré e a Rue Saint-Honoré são cheios de grandes marcas, mas com uma variedade maior, como Hermés ,Goyard , a descolada Colette e por ai vai..

COLETTE
Pertinho fica a Place Vendôme , caso esteja a fim de comprar alguma joia da Van Cleef ou da Chaumet.
Indo para os bairros mais arrojados como Saint-German -des Prés e Marais que são os mais gostosos de fazer compras e descobertas. Andar pelas ruazinhas você acha cada lojinha graciosa. Por lá encontra a Sonya Rykiel, Etro,Aigle,A.P.C, e o Le Bon Marché. E uma loja que amamos a Merci, que reúne o melhor e mais cool dos mundos da moda, beleza, design, decoração e ainda tem restaurantes super aconchegantes. Diferentemente das grandes lojas de departamentos francesas, a Merci segue a linha low profile, apostando em criadores desconhecidos do grande público e servindo como plataforma de lançamento para jovens designers.
Além de loja, o lugar é ótimo para simplesmente tomar um café e relaxar. Um deles com estantes cheias (mais de 10.000 livros usados), para serem descobertos pelos clientes, o The Used Book Café, e outro um terraço onde são projetados filmes antigos na parede, o Cinéma Café. Se bater uma fome um pouco maior, desça um lance de escada até o La Cantine, e se delicie com os pratos saudáveis, feitos com produtos frescos e orgânicos, no ambiente do jardim.

MERCI
Continuando no Marais, lá tem uma região super descolada chamada Haut-Marais, em torno da Rue Vieille. Rue du Temple, Rue de Bretagene, Rue de Tureme e Rue Froissart.
Outro lugar lindo para ver vitrines e talvez cometer alguma extravagância rsrsr! É o Palais Royal, do lado do Louvre . Lá você encontra Stella McCartney , Rick Owens, Pierre Hardy, Martin Margiella e Acne …Depois pode seguir para Rue Etienne Marcel e a Rue Tiquetonne,que para quem gosta de brechós, tem o Episode e o Espace Kiliwatch e aos seus arredores que tem muita coisa interessante.

KILIWATCH
Agora para ir atrás de tecidos o bairro onde encontra boas lojas se concentram é Montmartre, o mesmo da basílica da Sacré Coeur, pertinho tem a Marché Saint-Pierre , quatro andares de tecidos como crepes, algodão, sedas e por ai vai. Saindo da Marché você dá de cara com a Les Coupons de Saint Pierre, os tecidos são menos variados porém mais baratos. Ao lado tem outra grande, a Reine, parecida com a Marché.
Outras dicas bacanas para quem ama o universo da moda: A loja Matière Première, mais de 4.000 referências de pérolas em cristal Swarovski, cristal de Murano, em pedra. E muito mais …. (12 Rue Sevigné).
Para os amantes de renda não pode deixar de passar na Mokuba. São mais de 8.000 referências em rendas: de seda, bordadas, organdi. Um paraiso! (18 Rue Montmatre)
Para os apreciadores de botões, a loja Entrée des Fournisseurs, são mais de 500 escolhas. (8 Rue des Francs Bourgeois)
FOTO Entrée des Fournisseurs
E a top das merceries, a Ultramod, que existe desde 1834, ela possui uma coleção única de botões vintage e de fitas antigas. (4 Rue de Choiseul).
E para finalizar não podiamos deixar de falar em uma loja masculina a Sauver le Monde des Homes. Loja super criativa, além de roupas e acessórios masculinos, o que não faltam são opções legais como um kit para fazer bebidas à base de gin, livros de gastronomia feitos especialmente para eles e kits para barba. Sem dúvida uma ótima opção para quem procura um presente para um homem e quer fugir das opções tradicionais. (42 rue Saint Antoine).

Confira as fotos dos melhores lugares para um roteiro fashion Paris